sexta-feira, 20 de maio de 2016

CORRUPÇÃO

O taxista olha pelo retrovisor. Me observa quase com obsessão.
- O senhor é deputado?
- Eu? 😳
- O senhor parece demais um deputado...
- Pela fisionomia ou elegância?
- Rosto igualzinho!
- Hmm...
- Fulano de Tal, do PP.
- Ih, não conheço.
- Eu conheço bem. E ó, posso dizer pro senhor: o hómi é corrupto, viu!
- Mais um?!
- É! É muito corrupto!
- E como cê sabe?
- Instalei "gatoNet" pra ele e pra família dele todinha. Pros amigos, todo mundo. Puxei até um gatinho pro quarto da empregada...

- Ah.
- Agora eu te pergunto: o cara que pede pra gente instalar esse tipo de coisa errada é ou não é corrupto? É o que eu tô cansado de dizer, meu amigo: a corrupção não tá só em Brasília, não! Ela tá dentro da casa das pessoas. Dentro do nosso cotidiano! Só não vê quem não quer!! E a gente, que trabalha duro, né...
É verdade, Altamir. É quase tudo verdade.

Um comentário:

Anônimo disse...

Você voltou!! Seu textos me inspiram bastante.